De outros

Twist or Dunk ?: A História do Oreo


De onde Oreo tirou seu nome?

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é a abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente haviam derrotado o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para o Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema do biscoito Hydrox naquela época; eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Stuf individual, stuf duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos vencem sobre stufs individuais todas as vezes.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e então Kellogg, interrompeu a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert Oreo de arco-íris em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros; Target, Ben e Jerry’s, naquele mesmo ano, também demonstraram apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”

Eu vou mergulhar nisso.

Foto da Kraft Foods

O post Twist or Dunk ?: The History of the Oreo apareceu originalmente na Spoon University. Visite a Spoon University para ver mais postagens como esta.


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é a abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente haviam derrotado o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para o Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox enfrentava naquela época, eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos sempre vencem stufs individuais.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e Kellogg, descontinuou a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert de arco-íris Oreo em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente venceram o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para o Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox na época, eles ficam teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou a cena.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos vencem sobre stufs individuais todas as vezes.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e então Kellogg, interrompeu a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert Oreo de arco-íris em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é a abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente venceram o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para o Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox enfrentava naquela época, eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos vencem sobre stufs individuais todas as vezes.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e então Kellogg, interrompeu a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert Oreo de arco-íris em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente haviam derrotado o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para o Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox enfrentava naquela época, eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Os stufs duplos vencem sempre os stufs individuais.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e Kellogg, descontinuou a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert de arco-íris Oreo em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usavam biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais recentes deste ano, Massa de biscoito com gotas de chocolate e marshmallow crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é a abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar na árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente haviam derrotado o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para a Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox enfrentava naquela época, eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais 62 anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos vencem sobre stufs individuais todas as vezes.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e Kellogg, descontinuou a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert Oreo de arco-íris em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito da Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

No entanto, uma coisa que sabemos? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Os animais de Barnum foram embalados em caixas retangulares vermelhas brilhantes, projetadas para se parecerem com as gaiolas da P.T. O verdadeiro circo de Barnum. A caixa (que ainda temos hoje) tinha um barbante preso a ela, o que a torna ideal para pendurar em uma árvore de Natal.

Então, Sunshine teve uma descoberta.

Foi em 1908 que a Sunshine Biscuits criou a Hydrox. Era um sanduíche de biscoito feito com dois biscoitos de chocolate crocantes com uma camada de creme espremida entre eles. Jacob Leander Loose e Joseph Scull Loose, proprietários da Sunshine Biscuits, inventaram um produto que usava apenas os melhores ingredientes. Eles finalmente venceram o Nabisco.

(O nome, como se constatou, é uma combinação de hidrogênio e oxigênio, destinada a transmitir o prestígio de seu biscoito. Aqui estava um biscoito tão puro que parecia água! Para um consumidor, no entanto, era difícil salto lógico a fazer. O cookie sofreria uma mudança de nome, para Droxies, no final do século 20.)

A Nabisco levou quatro anos para aceitar o desafio dos biscoitos de chocolate. Mas, aceite que eles fizeram. Em 1912, eles apresentaram com sucesso um concorrente para a Hydrox. Entre, o Oreo. Este biscoito tinha um recheio de creme mais doce e dois biscoitos de chocolate que ficavam maravilhosamente encharcados quando mergulhados no leite. (Os “oreos” naturais de hoje enfrentam o mesmo problema que o biscoito Hydrox enfrentava naquela época, eles permanecem teimosamente crocantes após a imersão no leite.) Nabisco, em um deslizamento de terra, roubou o show.

Material único, material duplo e o futuro da Oreos

Os americanos tiveram que esperar mais sessenta e dois anos para a próxima invenção Oreo: o duplo stuf Oreo. O double-stuf, com o dobro do recheio de natas, foi mais uma vitória da Nabisco. (Stufs duplos vencem sobre stufs individuais todas as vezes.) À medida que o Oreo se tornava mais popular, a Nabisco continuou adicionando mais sabores (e tamanhos) à lista. Em 1987, eles lançaram o Big Stuff Oreo, que afirma ser várias vezes o tamanho de um Oreo original. Tristemente (muito infelizmente), eles foram descontinuados em 1991. Dois anos depois, a Kraft Foods adquiriu a empresa.

Mas e o Hydrox? Sunshine Biscuits, depois de ser vendido para Keebler e então Kellogg, interrompeu a venda de Hydrox em 2003. Fãs ávidos, no entanto, após pedirem para salvar Sunshine Biscuits, conseguiram colocar o biscoito de volta nas prateleiras em seu 100º aniversário.

A Nabisco, como todas as empresas de alimentos, tinha algumas falhas com seus sabores. Você sabia que eles fizeram um sherbert Oreo de arco-íris em 2013? (Parece um pouco menos terrível saber que eles usaram biscoitos de baunilha em vez de chocolate - mas ... ainda ... eca.) Os sabores mais novos deste ano, Massa de Biscoito de Chocolate e Marshmallow Crocante, também tiveram avaliações moderadas.

Além dos sabores ligeiramente bizarros dos últimos anos, a Kraft Foods, mãe do Oreo, usou seus poderes de publicidade para o bem. Eles lançaram um anúncio mostrando um “biscoito de seis camadas” pintado com as cores do arco-íris em 2012, em apoio aos direitos dos homossexuais. Eles não foram os primeiros, e Ben e Jerry's tiveram, no mesmo ano, também apoio externo à comunidade LGBT. A legenda abaixo do Oreo dizia “Apoie o amor com orgulho!”


Como o Oreo se tornou o biscoito favorito da América

OR-eo. o-RE-o. Se não estivéssemos tão acostumados a lê-lo em mangas de biscoitos embrulhados em celofane azul brilhante ou a vê-lo colado em caixas de sorvete, ficaríamos perplexos quanto ao que diabos Oreo realmente significa. Os historiadores de alimentos também não conseguem definir o nome. É incomum encontrar um alimento sem um homônimo. Pegue o Chips Ahoy !, outro biscoito Nabisco. O nome vem de um jogo de palavras de “Navios Ahoy!”.

Até o nome Nabisco tem uma história: é abreviação de National Baking Company, que reunia 114 padarias em 1898 de todo o país. Há um estranho conforto em saber como um alimento ganhou seu nome. Infelizmente, o Oreo continua sendo um (delicioso) mistério.

Uma coisa que sabemos, entretanto? O Oreo é uma imitação.

Oreos ganham uma batalha de biscoitos

Parece uma história comum: duas empresas de alimentos reinantes chegam a um impasse, onde o vencedor é determinado por apenas um punhado de produtos. A Nabisco entrou em seu impasse final com Sunshine Biscuits em 1912. Foi uma batalha que levou dez anos. Nabisco e Sunshine duelaram por Animal Crackers em 1902.

Nabisco, com Barnum’s Animals, foi o vencedor. Barnum’s Animals were packaged in bright red, rectangular boxes, designed to look like the cages at P.T. Barnum’s actual circus. The box (which we still have today) had a string attached to it, making it ideal to hang on a Christmas tree.

Then, Sunshine had a breakthrough.

It was in 1908 that Sunshine Biscuits created the Hydrox. It was a cookie sandwich made with two crunchy, chocolate biscuits with a layer of cream smushed between them. Jacob Leander Loose and Joseph Scull Loose, the owners of Sunshine Biscuits, had invented a product that only used the best ingredients. They had finally beaten Nabisco.

(The name, as it turns out, is a combination of hydrogen and oxygen, meant to convey the prestige of their cookie . Here was a cookie that was so pure, it was like water! To a consumer, however, it was a hard logical jump to make. The cookie would get a name change, to Droxies, towards the end of the 20th century.)

It took Nabisco four years to accept the chocolate cookie challenge. But, accept they did. In 1912, they successfully unveiled a competitor to the Hydrox. Enter, the Oreo. This cookie had a sweeter cream filling and two chocolate cookies that became wonderfully soggy when dipped in milk. (All-natural “oreos” today face the same problem as the Hydrox cookie did back then they stay stubbornly crunchy post milk-dunking.) Nabisco, in a landslide, stole the show.

Single stuf, double stuf & the future of Oreos

Americans had to wait another sixty-two years for the next Oreo invention: the double stuf Oreo. The double-stuf, with twice the cream filling, was another win for Nabisco. (Double stufs win out over single stufs every time.) As the Oreo became more popular, Nabisco kept adding more flavors (and sizes) to the list. In 1987, they launched the Big Stuff Oreo, which claims to be several times the size of an original Oreo. Sadly (muito sadly), they were discontinued in 1991. Two years later, Kraft Foods acquired the company.

But what about the Hydrox? Sunshine Biscuits, after being sold to Keebler and then Kellogg, discontinued selling Hydrox in 2003. Avid fans, however, after petitioning to save Sunshine Biscuits, managed to get the cookie back on the shelves for its 100th birthday.

Nabisco, like all food companies, had some misses with its flavors. Do you know they made a rainbow sherbert Oreo in 2013? (It sounds just a little less awful knowing that they used vanilla cookies instead of chocolate– but…still… ew.) The newest flavors this year, Marshmallow Crispy and Chocolate Chip Cookie Dough, also had so-so reviews .

Aside from the slightly bizarre flavors of the past few years, Kraft Foods, parent to the Oreo, has used their powers of advertising for good. They released an ad showing a “six-layer cookie” painted in the colors of the rainbow in 2012, in support of gay rights. They weren’t the first Target and Ben and Jerry’s had, that same year, also shown outward support for the LGBT community. The caption underneath the Oreo read “Proudly Support Love!”


How the Oreo Became America’s Favorite Cookie

OR-eo. o-RE-o. If we weren’t so used to reading it on bright blue cellophane-wrapped sleeves of cookies or seeing it plastered across cartons of ice cream, we would be mystified as to what the hell Oreo actually means. Food historians can’t pin the name down either. It’s unusual to find a food without a namesake. Take Chips Ahoy!, another Nabisco cookie. The name comes from a play on words of “Ships Ahoy!”.

Even the name Nabisco has a history: it’s short for the National Baking Company, which brought together 114 bakeries in 1898 from across the country. There’s some strange comfort in knowing how a food earned its name. Alas, the Oreo remains a (delicious) mystery.

One thing we do know, however? The Oreo is a knock-off.

Oreos win a cookie battle

It seems like a common story: two reigning food companies come to a stand-off, where the winner is determined by only a handful of products. Nabisco entered into its final standoff with Sunshine Biscuits in 1912. It was a battle that was ten years in the making. Nabisco and Sunshine dueled over Animal Crackers in 1902.

Nabisco, with Barnum’s Animals, was the winner. Barnum’s Animals were packaged in bright red, rectangular boxes, designed to look like the cages at P.T. Barnum’s actual circus. The box (which we still have today) had a string attached to it, making it ideal to hang on a Christmas tree.

Then, Sunshine had a breakthrough.

It was in 1908 that Sunshine Biscuits created the Hydrox. It was a cookie sandwich made with two crunchy, chocolate biscuits with a layer of cream smushed between them. Jacob Leander Loose and Joseph Scull Loose, the owners of Sunshine Biscuits, had invented a product that only used the best ingredients. They had finally beaten Nabisco.

(The name, as it turns out, is a combination of hydrogen and oxygen, meant to convey the prestige of their cookie . Here was a cookie that was so pure, it was like water! To a consumer, however, it was a hard logical jump to make. The cookie would get a name change, to Droxies, towards the end of the 20th century.)

It took Nabisco four years to accept the chocolate cookie challenge. But, accept they did. In 1912, they successfully unveiled a competitor to the Hydrox. Enter, the Oreo. This cookie had a sweeter cream filling and two chocolate cookies that became wonderfully soggy when dipped in milk. (All-natural “oreos” today face the same problem as the Hydrox cookie did back then they stay stubbornly crunchy post milk-dunking.) Nabisco, in a landslide, stole the show.

Single stuf, double stuf & the future of Oreos

Americans had to wait another sixty-two years for the next Oreo invention: the double stuf Oreo. The double-stuf, with twice the cream filling, was another win for Nabisco. (Double stufs win out over single stufs every time.) As the Oreo became more popular, Nabisco kept adding more flavors (and sizes) to the list. In 1987, they launched the Big Stuff Oreo, which claims to be several times the size of an original Oreo. Sadly (muito sadly), they were discontinued in 1991. Two years later, Kraft Foods acquired the company.

But what about the Hydrox? Sunshine Biscuits, after being sold to Keebler and then Kellogg, discontinued selling Hydrox in 2003. Avid fans, however, after petitioning to save Sunshine Biscuits, managed to get the cookie back on the shelves for its 100th birthday.

Nabisco, like all food companies, had some misses with its flavors. Do you know they made a rainbow sherbert Oreo in 2013? (It sounds just a little less awful knowing that they used vanilla cookies instead of chocolate– but…still… ew.) The newest flavors this year, Marshmallow Crispy and Chocolate Chip Cookie Dough, also had so-so reviews .

Aside from the slightly bizarre flavors of the past few years, Kraft Foods, parent to the Oreo, has used their powers of advertising for good. They released an ad showing a “six-layer cookie” painted in the colors of the rainbow in 2012, in support of gay rights. They weren’t the first Target and Ben and Jerry’s had, that same year, also shown outward support for the LGBT community. The caption underneath the Oreo read “Proudly Support Love!”


How the Oreo Became America’s Favorite Cookie

OR-eo. o-RE-o. If we weren’t so used to reading it on bright blue cellophane-wrapped sleeves of cookies or seeing it plastered across cartons of ice cream, we would be mystified as to what the hell Oreo actually means. Food historians can’t pin the name down either. It’s unusual to find a food without a namesake. Take Chips Ahoy!, another Nabisco cookie. The name comes from a play on words of “Ships Ahoy!”.

Even the name Nabisco has a history: it’s short for the National Baking Company, which brought together 114 bakeries in 1898 from across the country. There’s some strange comfort in knowing how a food earned its name. Alas, the Oreo remains a (delicious) mystery.

One thing we do know, however? The Oreo is a knock-off.

Oreos win a cookie battle

It seems like a common story: two reigning food companies come to a stand-off, where the winner is determined by only a handful of products. Nabisco entered into its final standoff with Sunshine Biscuits in 1912. It was a battle that was ten years in the making. Nabisco and Sunshine dueled over Animal Crackers in 1902.

Nabisco, with Barnum’s Animals, was the winner. Barnum’s Animals were packaged in bright red, rectangular boxes, designed to look like the cages at P.T. Barnum’s actual circus. The box (which we still have today) had a string attached to it, making it ideal to hang on a Christmas tree.

Then, Sunshine had a breakthrough.

It was in 1908 that Sunshine Biscuits created the Hydrox. It was a cookie sandwich made with two crunchy, chocolate biscuits with a layer of cream smushed between them. Jacob Leander Loose and Joseph Scull Loose, the owners of Sunshine Biscuits, had invented a product that only used the best ingredients. They had finally beaten Nabisco.

(The name, as it turns out, is a combination of hydrogen and oxygen, meant to convey the prestige of their cookie . Here was a cookie that was so pure, it was like water! To a consumer, however, it was a hard logical jump to make. The cookie would get a name change, to Droxies, towards the end of the 20th century.)

It took Nabisco four years to accept the chocolate cookie challenge. But, accept they did. In 1912, they successfully unveiled a competitor to the Hydrox. Enter, the Oreo. This cookie had a sweeter cream filling and two chocolate cookies that became wonderfully soggy when dipped in milk. (All-natural “oreos” today face the same problem as the Hydrox cookie did back then they stay stubbornly crunchy post milk-dunking.) Nabisco, in a landslide, stole the show.

Single stuf, double stuf & the future of Oreos

Americans had to wait another sixty-two years for the next Oreo invention: the double stuf Oreo. The double-stuf, with twice the cream filling, was another win for Nabisco. (Double stufs win out over single stufs every time.) As the Oreo became more popular, Nabisco kept adding more flavors (and sizes) to the list. In 1987, they launched the Big Stuff Oreo, which claims to be several times the size of an original Oreo. Sadly (muito sadly), they were discontinued in 1991. Two years later, Kraft Foods acquired the company.

But what about the Hydrox? Sunshine Biscuits, after being sold to Keebler and then Kellogg, discontinued selling Hydrox in 2003. Avid fans, however, after petitioning to save Sunshine Biscuits, managed to get the cookie back on the shelves for its 100th birthday.

Nabisco, like all food companies, had some misses with its flavors. Do you know they made a rainbow sherbert Oreo in 2013? (It sounds just a little less awful knowing that they used vanilla cookies instead of chocolate– but…still… ew.) The newest flavors this year, Marshmallow Crispy and Chocolate Chip Cookie Dough, also had so-so reviews .

Aside from the slightly bizarre flavors of the past few years, Kraft Foods, parent to the Oreo, has used their powers of advertising for good. They released an ad showing a “six-layer cookie” painted in the colors of the rainbow in 2012, in support of gay rights. They weren’t the first Target and Ben and Jerry’s had, that same year, also shown outward support for the LGBT community. The caption underneath the Oreo read “Proudly Support Love!”


How the Oreo Became America’s Favorite Cookie

OR-eo. o-RE-o. If we weren’t so used to reading it on bright blue cellophane-wrapped sleeves of cookies or seeing it plastered across cartons of ice cream, we would be mystified as to what the hell Oreo actually means. Food historians can’t pin the name down either. It’s unusual to find a food without a namesake. Take Chips Ahoy!, another Nabisco cookie. The name comes from a play on words of “Ships Ahoy!”.

Even the name Nabisco has a history: it’s short for the National Baking Company, which brought together 114 bakeries in 1898 from across the country. There’s some strange comfort in knowing how a food earned its name. Alas, the Oreo remains a (delicious) mystery.

One thing we do know, however? The Oreo is a knock-off.

Oreos win a cookie battle

It seems like a common story: two reigning food companies come to a stand-off, where the winner is determined by only a handful of products. Nabisco entered into its final standoff with Sunshine Biscuits in 1912. It was a battle that was ten years in the making. Nabisco and Sunshine dueled over Animal Crackers in 1902.

Nabisco, with Barnum’s Animals, was the winner. Barnum’s Animals were packaged in bright red, rectangular boxes, designed to look like the cages at P.T. Barnum’s actual circus. The box (which we still have today) had a string attached to it, making it ideal to hang on a Christmas tree.

Then, Sunshine had a breakthrough.

It was in 1908 that Sunshine Biscuits created the Hydrox. It was a cookie sandwich made with two crunchy, chocolate biscuits with a layer of cream smushed between them. Jacob Leander Loose and Joseph Scull Loose, the owners of Sunshine Biscuits, had invented a product that only used the best ingredients. They had finally beaten Nabisco.

(The name, as it turns out, is a combination of hydrogen and oxygen, meant to convey the prestige of their cookie . Here was a cookie that was so pure, it was like water! To a consumer, however, it was a hard logical jump to make. The cookie would get a name change, to Droxies, towards the end of the 20th century.)

It took Nabisco four years to accept the chocolate cookie challenge. But, accept they did. In 1912, they successfully unveiled a competitor to the Hydrox. Enter, the Oreo. This cookie had a sweeter cream filling and two chocolate cookies that became wonderfully soggy when dipped in milk. (All-natural “oreos” today face the same problem as the Hydrox cookie did back then they stay stubbornly crunchy post milk-dunking.) Nabisco, in a landslide, stole the show.

Single stuf, double stuf & the future of Oreos

Americans had to wait another sixty-two years for the next Oreo invention: the double stuf Oreo. The double-stuf, with twice the cream filling, was another win for Nabisco. (Double stufs win out over single stufs every time.) As the Oreo became more popular, Nabisco kept adding more flavors (and sizes) to the list. In 1987, they launched the Big Stuff Oreo, which claims to be several times the size of an original Oreo. Sadly (muito sadly), they were discontinued in 1991. Two years later, Kraft Foods acquired the company.

But what about the Hydrox? Sunshine Biscuits, after being sold to Keebler and then Kellogg, discontinued selling Hydrox in 2003. Avid fans, however, after petitioning to save Sunshine Biscuits, managed to get the cookie back on the shelves for its 100th birthday.

Nabisco, like all food companies, had some misses with its flavors. Do you know they made a rainbow sherbert Oreo in 2013? (It sounds just a little less awful knowing that they used vanilla cookies instead of chocolate– but…still… ew.) The newest flavors this year, Marshmallow Crispy and Chocolate Chip Cookie Dough, also had so-so reviews .

Aside from the slightly bizarre flavors of the past few years, Kraft Foods, parent to the Oreo, has used their powers of advertising for good. They released an ad showing a “six-layer cookie” painted in the colors of the rainbow in 2012, in support of gay rights. They weren’t the first Target and Ben and Jerry’s had, that same year, also shown outward support for the LGBT community. The caption underneath the Oreo read “Proudly Support Love!”


Assista o vídeo: OREO: Twist, Lick, Dunk! (Outubro 2021).